Muitas mulheres sentem vontade de comer doce, têm cólica e sofrem mudanças de humor durante a menstruação. Isso já é, felizmente, bem sabido! 👍🙆🌹 No entanto, grande parte das mulheres nem faz ideia da influência considerável que uma taça de vinho à noite, por exemplo, pode ter no período menstrual! 😱🍷

🍷 Sabe a famosa TPM? Ingerindo álcool, esse efeito piora. O fígado é um grande órgão “detox” do nosso corpo e com a ingestão de álcool ele fica sobrecarregado e deixa “passar” um hormôniozinho danado chamado ESTRÔGENIO, que sem a sobrecarga álcool seria convertido pelo tal órgão detox em uma versão mais leve e tranquila de aguentar! Então, o que acontece? Mais concentração de estrogênio do que o normal, fazendo com que a mulher fique ainda mais sensível e irritadiça: uma montanha-russa de emoções sem controle. 😭😍😡

🍻 É importante saber que o álcool potencializa o estado de desidratação do corpo, fazendo com que as cólicas fiquem muito mais fortes. Além de diminuir a imunidade, aumentando a chance de candidíase, que por causa de absorvente externo e interno ou coletor, é bem comum no período menstrual.

🍸 Por fim, fique atenta: alguns estudos (Carrol et al., 2015) sugeriram um aumento no consumo de álcool durante as fases pré-menstrual/menstrual. Além disso as mulheres também apresentam níveis menores de enzimas responsáveis pela metabolização do álcool, demorando mais para eliminá-lo do organismo. Isso faz com que os efeitos de embriaguez ocorram mais rapidamente e sejam mais duradouros. 🤪

E uma dica que sempre cai bem: muita água, alimentos saudáveis e sem dirigir depois de beber! 👍🍷